GUTO não, claro que não! Ele é gordo.

Pois meus caros IRMÃOS DE ALEGRIA, a exemplo do que escreveu a nossa competente coordenadora, amiga e jornalista Adriana ontem também tenho prestado muito a atenção no que vai pelo mundo da informação futebolística nesses pagos.

AUGUSTO SÉRGIO, SIM (Imagem: Yahoo)

Por aqui uma força se levanta, bradando que o senhor Guto Ferreira não tem suporte para dirigir o INTER na divisão de elíte do futebol Brasileiro. É, me parece muito coerente, MUITO coerente. Imaginemos que essas cabeças maravilhosas, arautos da desgraça tempos atrás tendo o poder de sentenciar sobre a capacidade de Luis Felipe Scolari que depois de treinar “equipes de elite” do futebol mundial como CSA, Juventude, Brasil de Pelotas, o próprio Pelotas ser o DT de uma equipe de primeira grandeza, ou quem sabe  vaticinando sobre a capacidade profissional do Sr Luiz Antônio Venker Menezes, mais conhecido como Mano Menezes, treinar uma equipe de primeiríssima linhagem  depois de comandar “renomadas” equipes como Guarany de Venâncio-Aires, Brasil de Pelotas,  Iraty, XV de Novembro de Campo Bom e Caxias e até mesmo sobre o potencial do Sr Adenor Leonardo Bachi, conhecido como Tite, que depois de treinar “valorosos esquadrões” como Guarany de Garibaldi,  Caxias, Veranópolis, Ypiranga de Erechim, Juventude ousou treinar uma portentosa equipe do futebol brasileiro. Pontos em comum? Todos eles tem graduação em Educação Física. Todos eles tiveram ou estão  (no caso do Tite) tendo suas capacidades aprovadíssimas a ponto de se tornarem treinadores da Seleção mais vitoriosa do futebol Mundial, tudo graças aos seus talentos individuais   e a oportunidade que um Clube de ponta do futebol brasileiro lhes deu, em ocasiões muito peculiares.

Pois bem senhores, AUGUSTO SÉRGIO FERREIRA, o GUTO também é Formado em Educação física ( UNIMEP), em 1985, de lá pra cá treinou treinou profissionalmente equipes como Noroeste (Baurú-SP), PENAFIEL E NAVAL, na Europa (que topete!), Corinthias de Alagoas. XV de Piracicaba, Mogi Mirim, Inter de Limeira, Criciúma, ABC, Ponte Preta, Portuguesa, Figueirense, Chapecoense e Bahia (trajetória bem mais recheada que seus colegas citados,não?) antes de ser recontratado pelo INTER uma vez que no inicio da carreira havia treinado a Base do COLORADO  tendo inclusive sido o último treinador do ESTADO a ser campeão da Copa São Paulo em  1998.

Diante do exposto, pergunto:

Porque ele com currículo melhor que os citados não pode ser o comandante na Elite?

R: Porque usa óculos , e é gordo

Quais os defeitos?

R: Ele é gordo, isso basta.

Qual a diferença entre ele e os seus colegas citados?

R: Ele é muito gordo.

Outra diferença?

A equipe que ele treina. Enquanto os outros competentes treinadores foram para o bairro da Azenha (mesmo que Mano tenha começada na base do INTER), AUGUSTO SÉRGIO foi “morar” no Menino Deus. ACORDA TORCEDOR, não entre nessa, isso cheira a campanha do contra.

E COMO DIRIA,  O EMERGENTE e TALENTOSO  COMENTARISTA DA PRAÇA, Carlos Lacerda: “VÃO SE CATAR”

TENHO DITO!

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

About Paulo Melo

34 comments

  1. Concordo em tudo.Sempre pensei dele continuar , porque o trabalho não deve ser interrompido, muito menos se o motivo fosse de ser gordo .Por favor,,,,

    • Alô você Soninha!

      É isso, eu tambem acho que deva seguir seu trabalho. Se vai dar certo só tempo dirá. A contratação de “medalhões” não é garantia de sucesso. Já vimos isso muitas vezes. A figura de GORDO, foi criada por mim ironizando aqueles que não o querem e não tem nenhum argumento convincente.
      Siga prestigiando nosso BAC.
      Coloradamente,
      Melo

  2. Então com tudo isso queres dizer trocando em miudos, GUTO é suficiente treinador para o inter o que não é suficiente é o ELENCO COLORADO??? Se for este lado, concordo, pois tem treinadores que com grupo limitado fazem chover e outros com grupo bom de jogadores não fazem nada, ou não conseguem fazer o time jogar.

    • Alô você VAnderlei!
      Talvez não tenha sido suficientemente claro. Vamos lá meu amigo, vamos ver se consigo ser mais objetivo. O que eu quis dizer é que temos que estar atentos para as “MANOBRAS” que são repetidas para desestabilizar o INTER quando as coisas estão indo razoavelmente bem. Quis dizer que PRÉ JULGAR (dizer que ele não tem condições de dirigir time na série A) é precipitado, para ser educado, ou de objetivo no mínimo duvidoso. Quis dizer que outros conhecidos treinadores, com a mesma formação dele (L.Felipe, Mano e Tite) estiveram em situação idêntica e como tiveram dirigentes fortes que os bancaram, hoje são respeitados e todos chegaram a ser treinadores da Seleção (no caso do Tite, é). Quis dizer que pode-se contestar, desde que se tenha argumentos, não por achismos duvidosos de seus propósitos, mas sem argumentos paupáveis,NÃO. Quis dizer que não sei se ele vai ser um treinador vitorioso na série A, mas não se pode coloca-lo no fogo, por ACHAR. E por fim quis dizer que a única coisa real que depõe contra ele, é ser um profissional de EF e ser Gordo e que talvez por isso, pela silhueta seja hostilizado por “certos” setores sem levar em conta suas reais possibilidades, o que reforça minha linha de que é algo orquestrado, para que o INTER saia atrás de medalhões que ajudem a arrombar o cofre do Clube, e depois partam se nada conseguir, mas com polpudas indenizações .
      Abração,
      Coloradamente,
      Melo

  3. Fabiano Mello

    E aee Melo!! Tudo blz!!

    É bem isso que apontastes, temos a mania de implicar com a trajetória e com resultados imediatos ao invés de avaliarmos o trabalho, quanto ao último o Guto de tem provado seu valor, não é perfeito não (e quem é??), tem muito a melhorar, mas está sim merecendo ser o treinador do Internacional. E quem melhor que um cara “da casa” para essa missão, identificado com o clube desde sempre.

    Digo ainda, apesar de ter muito a melhorar, principalmente no aspecto disciplinar e psicológico pessoal, que um dos últimos técnicos de fato passado pelo Internacional foi o senhor Argélico Fucks, vulgo Argel, que pegou um equipe horrendamente estragada, desestimulada e descompromissada, deixada dessa forma pelo senhor Diego Aguirre e conseguiu evitar que caíssemos em 2015, além disso, foi campeão gaúcho no ano seguinte e ia muito bem no Brasileirão 2016, com aquela equipe ruim, até esbarrar em suas limitações pessoais. Seria o Argel o louco, o colono e o Guto, o gordo, para muitos só isso, mas vejo ambos com muito potencial para futuro, e vão chegar lá ainda, seja pelo Inter ou em outra equipe, disso tenho certeza. Mais certeza ainda é que não devemos cair nessa de sermos analistas de resultado. Como diria o colorado Magro do Bonfa: “E tem né véio!!??”

    • Alô você Fabiano!
      Absolutamente de acordo. Valorizar e também rebater os comentários e avaliações tendenciosas é também parte dos encargos de um bom dirigente, especialmente os de futebol. Identificar os “criadores de crise” e combate-los com argumentos deveria também ser um dos vetores. Tem que estar atento a isso também. Precisamos d estrategista fora do campo de jogo também.
      Coloradamente,
      Melo

  4. Luciano

    Melo, vou entrar na pauta e não ficar em cima do muro. Acho que o GF fica para 2018 pelo compromisso assumido pela Direção e pelos resultados. Ponto. Tenho ressalvas de que tanto ELE quanto os DIRIGENTES saberão se posicionar de acordo com a grandeza do Clube. Isso inclui não superestimar o “temos um bom grupo” que é um discurso recorrente de uma temporada para outra, especialmente no Internacional. É prudente não pré-julgar eventuais deficiências do GF, mas apontar a necessidade de um comportamento profissional proporcional às necessidades do Clube é fundamental. O parâmetro está prejudicado em 2017, pois mesmo com atuações questionáveis estamos liderando a competição e prestes a confirmar o acesso. SC.

    • Alô você Luciano!
      Ter ressalvas como fases é do jogo, argumentar é razoável. Tens razão quanto a superestimar o grupo a Comissão técnica etc. O meu ponto de revolta é a afirmação que vem de fora com cara de orquestração de que ELE NÃO É TREINADOR PARA SÉRIE A conforme tenho lido seguidamente. E por isso citei o exemplo de Tite, Mano e Felipão, que estiveram em situação idêntica, balançara na corda bamba para serem demitidos (exceto Tite) e hoje são expoentes. Aqueles podem crescer, o GUTO NÃO? Posso até concordar, mas quero argumentos paupáveis, achismos, não. E quando isso vem com jeito de desestabilizar, coisa muito comum de certos setores da imprensa, então, eu grito mesmo.
      Coloradamente,
      Melo

      • Luciano

        Plenamente de acordo, volta e meia alguns grandes clubes recorrem a Wanderlei Luxemburgo, Osvaldo de Oliveira, o próprio Abel, Levir Culpi, etc…Todos com serviços prestados e títulos. Mas em alguns casos já vemos defasagem de conceitos de futebol. Aí aparece Jair Ventura, Carille, entre outros. Pode, por que não, ser o Guto Ferreira e outros que estão surgindo ou se afirmando serem alternativas capazes de liderar grupos de qualidade rumo a conquistas. Mas precisarão de muito trabalho, qualidade tática e técnica, além de apoio qualificado de dirigentes. SC.

        • Alô você Luciano!
          Isso mesmo. Um dia o próprio INTER apostou em um jovem Chamado Abel Braga, porque não agora de novo com um profissional pra lá de credenciado. Não dar certo também é do jogo , mas as mesmas credenciais daqueles três citados ele tem com um muito relevante acréscimo, TREINOU DOIS TIMES NO CONTINENTE EUROPEU, coisa que aqueles não haviam feito antes de aqui chegar. Não engulo afirmações sem argumentações, e quando tem cheiro de campanha encomendada então…
          Coloradamente,
          Melo

  5. Adriana Paranhos
    Adriana Paranhos

    VÃO SE CATAR. E TEMOS dito Melo! Kkkk
    !

  6. Simone Kuiava
    Simone Kuiava

    Antes ouvir algumas bobagens dessa turma da imprensa parcial do que ser surdo 🙂
    Eu ainda não formei opinião sobre a continuação do Guto. O que sei é que no momento melhor escolha não tem. Abraços

    • Alô você Simone!
      O que eu entendo é que parece que “os caras” estão sempre articulando uma maneira de desestabilizar. VÃO SE CATAR! pra não dizer outra coisa.
      Coloradamente,

      Melo

  7. Caro Paulo Ricardo Melo, sabemos de longa data que futebol é resultados, sem os quais não há treinador que resista, pois o nosso “gordo” tem exatamente isso, RESULTADOS, o que torna seus críticos e desafetos verdadeiros vanguardeiros do atraso e do pensamento raso. Espero sinceramente que nosso pessoal do futebol não caia nessa armadilha e traga mais um medalhão a peso de ouro para o Beira Rio. GUTO 2018 já!

    • Alô você Pazzini!
      Os resultados são evidentes, óbvios, inobstantea isso surgem tendo como origens redutos conhecidos essas tentativas de desmobilização, semeaduras da desestabilização, armadilha, como escrevestes, em que são pegos aqueles que não filtram esse tipo de canalhice.
      Coloradamente,
      Melo

  8. jaldemir Candido dos Santos
    jaldemir Candido dos Santos

    PRM: Segundo o Relatório da UNESCO, o Brasil tem somente 13 Milhões de analfabetos, e não consegue reduzir este número há três anos. Agora o que a UNESCO, creio ainda não conseguiu mensurar são os analfabetos dos veículos de comunicação, pois além de analfabetos muitos são cegos ou mal intencionados… É uma lástima. Semelhante ao Feola, Guto Ferreira já larga na frente. Dai a Cesar o que é de César. Creio também o que toda a Nação Vermelho e Branco desejava, prestes está a se concretizar. E devemos creditar a esse “gordo semelhante ao Walter-atacante”, o retorno do sorriso triunfante. A classificação já nos basta, mas o título é a coroação de um trabalho competente, digno de ser obtido por um time que se revelou em sua História de Elite do Brasil – Série A. Assim, deixemos os cães ladrar…

    • Alô você Jaldemir!
      Evidente que o “gordo” foi uma figura de linguagem (ops, escrita), carregada de ironia. É impossível assistir essa tentativa de orquestração sem revolta. “Esses cães” que estão ladrando, merecem a CARROCINHA.
      Coloradamente,
      Melo

  9. Dorian R. Bueno
    Dorian R. Bueno

    MÊLO DO GORDIOLA – EM CAIXA ALTA
    Letra e Música: Dorian Bueno

    EU SOU UM GORDINHO ELEGANTE E CHARMOSO,
    SOU BOA PINTA E ME SINTO VAIDOSO,
    COMO DE TUDO E USO TODO O MEU CHARMINHO,
    PARA ESCOLHER QUEM VAI JOGAR LÁ NO MEU TIME.

    EU SOU UM GORDINHO ELEGANTE E CHARMOSO,
    SOU BOA PINTA E ME SINTO VAIDOSO,
    COMO DE TUDO E USO TODO O MEU CHARMINHO,
    PARA ESCOLHER QUEM VAI JOGAR LÁ NO MEU TIME.

    SE PENSAS EM QUERER ME DERRUBAR…
    DOU-LHE UM TOQUE PRA NÃO SE MACHUCAR…
    VENHA SEM PRESSA SEM HORAR PRA PARTIR…
    ATÉ QUE EU POSSA TCHÊ FALAR…
    OLHA PRA MIM, VOCÊ VAI TER QUE ME OUVIR…

    VIVO TREINANDO E COMENDO NESTA VIDA…
    VOU VARIANDO NO ESQUEMA OS JOGADORES…
    EU SOU LAMENTO QUANDO CAUSO VÁRIAS BRIGAS…
    POR NÃO PODER ESCALAR…
    O TIME DA IMPRENSA E DAS TORCIDAS…

    EU SOU UM GORDINHO ELEGANTE E CHARMOSO,
    SOU BOA PINTA E ME SINTO VAIDOSO,
    COMO DE TUDO E USO TODO O MEU CHARMINHO,
    PARA ESCOLHER QUEM VAI JOGAR LÁ NO MEU TIME.

    EU SOU UM GORDINHO ELEGANTE E CHARMOSO,
    SOU BOA PINTA E ME SINTO VAIDOSO,
    COMO DE TUDO E USO TODO O MEU CHARMINHO,
    PARA ESCOLHER QUEM VAI JOGAR LÁ NO MEU TIME.

    QUEM SABE UM DIA…
    VÃO TER QUE ADMITIR…
    QUE EU SOU HUMANO, TREINADOR E BEM NORMAL,
    Á TODA HORA QUEREM ME DEMITIR…
    SEGURA A ONDA EU AMO O INTERNACIONAL…

    ESCUTA AÍ SOU UM GORDIOLA ESPECIAL…
    QUERO DIZER QUE MEU AMOR É TRI LEGAL…
    JOGA JUNTO AÍ, VAMOS SAIR DA SÉRIE B,
    LEVANTAR A TAÇA E VIBRAR JUNTO A VOCÊS.

    EU SOU CARA …

    Abs. Dorian Bueno, Google+Plus, POA, 24.10.2017

  10. Amelio Ceni Sobrinho

    Tenho para mim que o principal objetivo do Internacional em 2017 é o Retorno a principal categoria do futebol brasileiro. O objetivo está próximo de ser alcançado, uma, duas vitórias e estaremos lá, GUTO, por certo, tem os seus méritos, afinal lá no primeiro turno quanto lhe foi colocada a corda no pescoço se manteve firme e altivo nas suas convicções e soube reverter a sentença fatal. Isto, por si só, credenciaria Guto Ferreira no posto de Comandante do Esquadrão Colorado em 2018. No entanto, sou mais um dos que não enxergam no Internacional um “TIME” nível Série A e quando se fala de time se fala de equipe, de distribuição em campo, de atribuições bem definidas para cada jogador e está atribuição é exclusiva do treinador, aquilo que se diz “a mão do treinador” e neste particular Guto Ferreira não tem se saído bem. Portando, mantê-lo para 2018 é um risco demasiadamente grande para quem, recentemente, em 2016 iniciou o Campeonato Brasileiro com um treinador não muito qualificado.

    • Alô você Amélio!
      Perfeito. Ter ressalvas, desconfianças, incertezas como referes, é bem diferente que afirmar com letras maiúsculas que ELE NÃO SERVE. Isso é revoltante.
      Coloradamente,
      Melo

  11. Dorian R. Bueno
    Dorian R. Bueno

    A VIDA É UMA MATEMÁTICA CONSTANTE, E UMA SALADA DE ENSINAMENTOS!!!

    Em uma fração matemática aprendemos a dividir muitas partes em décimos, centésimos e milésimos. Numa fração de segundos já tive muitas inspirações para pegar o fio condutor da minha mente para orar por mim e pelos outros irmãos. Captei rapidamente o fio da meada durante um bate papo com amigos para não perder o rumo do diálogo. Quem sabe este texto poderá ser lido por alguém e gerar muitas reflexões em sua vida.

    Aprendi na vida que quando vem de supetão uma abençoada inspiração de Deus, precisamos estar atentos e registrar estas palavras muito rapidamente para escrever uma crônica, compor um lindo louvor, músicas diversas, poemas, e pensar certo antes de agir errado.

    Também podemos captar a mensagem para fechar a boca antes de falar uma bomba atômica ou comer demais, escolher o melhor caminho a seguir, definir o voto para líder de turma na escola, em eleições para escolher os políticos que possam mudar o nosso País e não suas vidas para melhor.

    Que os jovens sejam mais sábios do que apressados com as gurias, para num milésimo de segundos colocarem a camisinha para se proteger de muitos minutos que poderão vir devido à falta de cuidado na hora do sexo imprudente.

    Muitas pessoas imprudentes perdem suas vidas por não ter diminuído em uma fração de segundos a velocidade do seu automóvel. Em milésimos de segundos no esporte já vimos um corredor ganhar uma corrida de fórmula um, atleta velocista bater seu recorde, nadador bater a borda da piscina ali no seu limite.

    No futebol tem jogadores concentrados que ganham a partida, até mesmo com um GOL salvador no último minuto ou décimo de segundos, antes mesmo do árbitro levar o seu apito até a boca encerrando a partida. Já os jogadores desconcentrados perdem e choram.

    O grande lance não é que o time perdeu o jogo no último suspiro por causa de um décimo, mas sim, que ele não acumulou energia, saúde, garra nos décimos anteriores que poderiam lhe dar um pouco mais de vida, e vencer seu adversário.
    É a tal história do acumulo de gordura, quando ela ainda existe pode nos dar um pouco mais de expectativa ou vai matando-nos aos poucos.

    Ainda bem que a vida continua muito bem para o nosso querido e desapressado INTERNACIONAL, para se preparar muito bem durante esta semana, e sem medo ou qualquer tipo de pânico, vencer sábado o próximo jogo contra o Ceará no Beira-Rio.

    Tomara que o Guto Ferreira e os jogadores escolhidos estejam energizados de pensamentos positivos para superar logo esta nossa experiência na Série B 2017, mesmo que tenha sido aos trancos e barrancos, com muita matemática e cornetas devido à falta dos GOLS que deixaram de ser feitos e transformados em mais VITÓRIAS.

    Abs. Dorian Bueno – Google+Plus, POA, 24.10.2017

    • Alô você Doria!
      É tomara que sim. Que estejam energizados também os diretores e os torcedores para não cairem nessa campanha sórdita e covarde.
      Coloradamente,
      Melo

  12. Antônio Carlos Pauperio

    Melo, temos dois olhos para enxergar o lado bom e o lado ruim da vida. Essas imagens vão para o cérebro conforme as escolhas de cada um. tem uns que enxergam tudo maravilhoso e outros como se tudo estivesse ruim, basta o foco de cada um. O importante disso tudo é que o melhor não está visível aos olhos e sim o que conseguimos absorver e apreciar com nossos sentimentos mais profundos. Entre o ótimo e o péssimo, existe o real, sempre voltado para o bem. Escrito isso, todos que acompanham o BAC sabem meu respeito e admiração em relação ao trabalho do Guto Ferreira e de todo o profissional estudioso, dedicado, trabalhador, discreto e gente como a gente que acerta e erra sem culpar outros e muito menos buscar desculpas “esfarrapadas”. Essa estória de treinadores mais “cascudos”, mais experientes e outras coisas mais, é fruto de interesses empresariais. Experiência não necessariamente significa idade ou tempo no futebol, mas sim a humildade em buscar uma atualização constante de conceitos, de aprendizado e de muita dedicação e trabalho com os atletas no clube. A história verdadeira conta que Lisca e Guto Ferreira pegaram o time do Internacional na pior, sem medo do desafio, em um ambiente de total insegurança e pressionado por todos os lados. Só isso já os coloca em um patamar superior aos demais e merecem nosso respeito. Não citei Zago porque iniciou o ano, seus pedidos foram atendidos e não aproveitou a oportunidade para acertar. Caso a trajetória de Guto Ferreira siga o caminho normal e atual, não vejo nenhum demérito em ser o comandante do plantel Colorado em 2018, muito pelo contrário, terá conseguido os méritos necessários para isso e o reconhecimento do clube. Só um cego ou alguém que defenda outros interesses, alheios ao clube e à torcida Colorada, irá negar seus méritos em 2017. Se ele tem ou não capacidade para conduzir o plantel Colorado em 2018 na Série A, é uma incógnita, mas pelo trabalho efetuado e pelas qualidades apresentadas em 2017, por uma questão de justiça, tudo indica que merece uma oportunidade. Não sei se é desejo dele permanecer no Internacional, se existe alguma cláusula no contrato atual e se há R$ para mantê-lo, pois acredito que ao final de 2017 estará ainda mais valorizado. Fosse eu alguém que tivesse a capacidade de decidir, escolheria Guto Ferreira, pois, até o momento, não encontro nada que desaprove essa decisão.

    • ALô você Pauperio!
      Perfeito é isso mesmo. Ele a meu ver tem todos os predicados para seguir. O que me revolta é que pessoas “influentes” BATEM O MARTELO sem absolutamente nenhum argumento. Eu encontrei um e dei pra eles: ELE É GORDO!
      Coloradamente,
      Melo

  13. Naladar Santos
    Naladar Santos

    Melo e colorados, bom dia!

    Se silhueta fosse importante, o que seria do Abel Braga, do Muricy, entre outros, não é.

    Bons exemplos mencionados de profissionais que não tinham reputação e que viraram sucesso. É claro que, se quisermos podemos fazer uma lista ao contrário, certo?

    Quando falamos de treinador temos uma série de aspectos a serem considerados. Tite, por exemplo, fracassou no Palmeiras e no Atlético Mineiro. Mano fracassou no Flamengo. Telê Santana era pé frio até emendar aquela sequência de títulos no São Paulo. Marcelo Oliveira fez ótimo trabalho no Cruzeiro e foi um fracasso retumbante no Palmeiras, Vasco e Galo. Cuca fez um ótimo trabalho no Palmeiras no ano passado e este ano foi um fiasco no Palmeiras com elenco milionário.

    Guto tem méritos de ter encontrado um time equilibrado com este elenco atual do Inter, sem dúvidas. Acho que o Inter não tem muito o que fazer a não ser mantê-lo para 2018. É uma questão de justiça. Eu, porém, tenho minha opinião pessoal, e torço sempre para estar errado neste particular. Não consigo ver nele alguém capaz de encontrar novas soluções para o time, não obstante reconhecer as limitações do elenco, o que não lhe oferece as melhores condições para isso. Mas o time só joga de um jeito, não há variações. Se Sasha, que não é nenhuma Brastemp, sai do time, ficamos capengas, e isso me preocupa, porque não estamos falando de um D’Alessandro. É necessário criar alguma solução, de um jeito ou de outro. Não vejo esta capacidade no Guto por enquanto. Mas, acho que o Inter tem que entregar os reforços necessários a ele, para termos um julgamento mais justo, ao mesmo tempo que não vejo melhores soluções do que Guto no mercado.

    • Alô você Naladar!
      Quando se tem uma opinião, assim como a tua, com uma linha de coerência, mesmo que não concorde em parte, deve ser respeitada, não faço mais do que minha maneira de agir e pensar me cobra, entendo que tem que ser assim, respeitoso. Por exemplo eu entendo que o equilíbrio que o treinador anterior não deu a equipe, ele conseguiu dar e não se tem notícia de “vestiário desequilibrado”. O conhecimento sobre a avaliação física e clínica do plantel,que obteve quando assumiu o fez deixar 2/3 da equipe em Porto Alegre, para que retreinassem a fim de voltarem com condições mínimas. E que tal a condição física atual do grupo que corre os 90′ enquanto no primeiro terço do campeonato morria com 60 ou 70 min de jogo? Tudo é mérito seu. O que não aceito é a inquisição que setores querem submetê-lo sem qualquer base concreta, é disso que falo. Rotula-lo como treinador que NÃO SERVE, sem argumento razoável me revolta, quanto mais quando vejo isso como um ranso, ou até mesmo coisa plantada para desequilibrar um trabalho, que até veremos mais adiante se é ou não bem feito. Abraço
      Coloradamente,
      Melo

  14. Brilhante colocação,a todos que o julgam por ser gordo ou outro adjetivo que derem á este brilhante treinador,ele está dando sua resposta á cada Vitória do nosso querido inter,e estas vitórias incomodam muita gente,abraços meu amigo.

    • Alô você Miriam!
      Acho que pegastes o ponto certo. As vitórias do GF estão incomodando MUITA GENTE!
      Coloradamente,
      Melo

  15. Arioldo Roldan
    Arioldo Roldan

    Olá Melo, sem querer ser arauto do acontecido, tão logo foi anunciado a contratação do Antônio Carlos para treinar o Inter em 2017 na primeira postagem que fiz no Blog eu questionei porque não o Guto que já havia conquistado um Gauchão como interino, títulos relevantes na nossa base e tirado outros clubes da segundona, foi atendido com atraso, custou um ~Gauchão
    De minha parte eu providenciaria alguns reforços para posições carentes e manteria o Guto, mesmo entendendo que algumas questões afetas diretamente ao treinador, necessitem melhoras, abraço.

    • Alô você Roldan!
      Lembro perfeitamente da tua defesa. Mas o que me deixa TRANSTORNADO é a MALDITA campanha que é feita sem dar ao profissional a oportunidade de se mostrar. Quando ele fizer sucesso vão dizer: “sim mas ele viu que do jeito que estava não ia e mudou” E se der errado la vem o “Clássico”: EU NÃO DISSE.
      Coloradamente,
      Melo

  16. Tua colocação foi cirúrgica, Melo! Como se algum dos brilhantes “comentaristas e analistas” que hoje tem voz para fazer campanha contra o Guto tivessem iniciado suas carreiras com credibilidade, direto em grandes veículos com matéria sempre em primeira página…
    Nem vou entrar no mérito da parcialidade dos comentários dos mesmos!

    • Alô você Nani!
      Obrigado por estar comentando nesse espaço COLORADO de nós todos.
      Perfeito, não estamos apostando que ele será o melhor para o INTER, o que não tolero é que se façam pre julgamentos quando se tem exemplos, muito claros e evidentes. A isso chamamos de Pré CONCEITO. Algo repugnante que parte da torcida embarca porque não filtra essas “preciosidades.
      Coloradamente,
      Melo

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*